Hoje é quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024
Caçador - O melhor da vida é aqui!
InícioGeralParceria da SES com Hospital Maicé viabiliza procedimentos complexos em neurocirurgia na...
PublicidadeAnuncie no Jornal InformeAnuncie no Jornal Informe

Parceria da SES com Hospital Maicé viabiliza procedimentos complexos em neurocirurgia na unidade

O Hospital Maicé, de Caçador, realizou as primeiras microcirurgias para tumores intracranianos em cinco pacientes dos municípios Itajaí, Navegantes e Caçador que aguardavam no Sistema de Regulação do Estado (Sisreg)

“Desde que assumi a pasta da saúde catarinense, estou trabalhando com a equipe para descentralizar a realização de procedimentos, ampliando o número de unidades prestadoras. Estamos diminuindo distâncias e possibilitando que os pacientes possam realizar a sua cirurgia com qualidade e em sua região. O Hospital Maicé é parceiro e uma instituição importante para Santa Catarina, que atende às demandas dos pacientes do Meio Oeste e outras regiões”, reforça a secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto.

A técnica de microcirurgia para tumores intracranianos ou cerebrais remove o máximo possível do tumor, sem afetar o tecido saudável ou causar qualquer lesão ao paciente. No Hospital Maicé foi utilizado um aspirador ultrassônico, viabilizado pela Superintendência de Regulação (SUR), vinculada a SES, que foi locado para realizar os procedimentos. A ação possibilitou salvar vidas e diminuir a espera por cirurgia de pacientes da região.

“Estamos trabalhando com a SES para conseguir de forma definitiva esse equipamento. Queremos ampliar a oferta destes procedimentos, sendo mais uma referência para todo Estado, atendendo pacientes de outras regiões. Estamos juntos com o Estado e comprometidos em terminar com a espera das pessoas que aguardam procedimentos eletivos, principalmente esses complexos, melhorando a vida dos catarinenses”, destaca o diretor do Hospital Maicé, Sérgio J Schmitz Jr.

As primeiras microcirurgias envolveram dois neurocirurgiões, três técnicos de enfermagem, dois instrumentadores, duas enfermeiras e um técnico especialista no aparelho utilizado. Atualmente há cinco pacientes aguardando pelo procedimento que estão previstos para serem realizados até o final do mês de dezembro.

Habilitado desde 2008 para Alta Complexidade em Neurocirurgia, o hospital já realiza procedimentos como Neurocirugia do Trauma e Anomalias do Desenvolvimento, Coluna e Nervos Periféricos, Neurocirurgia Vascular e Tumores do Sistema Nervoso. Após a implantação definitiva da microcirurgia para tumores cerebrais, a unidade passará a ser também referência para esta técnica aos pacientes de Santa Catarina.

Silmara Ribeiro
Silmara Ribeirohttp://www.jornalinforme.com.br
Editora de notícias do Informe Caçador, empresária e mãe.
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe
ASSUNTOS RELACIONADOS
Publicidade
Publicidade

Leia Também