Hoje é quinta-feira, 23 de maio de 2024
Caçador - O melhor da vida é aqui!
InícioCultura e LazerMaestro de renome internacional visita o projeto Músicos do Contestado
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe

Maestro de renome internacional visita o projeto Músicos do Contestado

Roberto Farias, imortal da Academia de Música do Brasil, esteve em Caçador para entregar uma honraria nacional ao projeto

O maestro Roberto Farias, Comendador, Chanceler e Imortal da Academia de Música do Brasil, esteve em Caçador ao longo desta semana, para conhecer o projeto Músicos do Contestado e ainda entregar o Diploma Mérito Artístico, Cultural e Social ao projeto, indicação aprovada por unanimidade dentro da Academia.

O diploma é oferecido a personalidades e instituições que prestam relevante contribuição na área de formação artística, cultural e social dentro do território nacional, de forma ampla, sem distinção de raça, credo religioso e ideologia de qualquer ordem, com ênfase no acolhimento e orientação de crianças, adolescentes e jovens e que apontam para o bem estar social por meio da arte, e da cultura.

Ao longo dos dias em que esteve em Caçador, o maestro Roberto Farias, que reside em São Bernardo do Campos – SP, ministrou aulas para as crianças e jovens do projeto Músicos do Contestado, no auditório da Escola Esperança, no bairro Martello, e sentiu-se maravilhado com a energia vinda dos componentes.

“É sempre um prazer ver que o Brasil dá certo, porque um projeto da magnitude do Músicos do Contestado é algo que precisa ser multiplicado em todo este país, sobretudo em uma época em que as novas gerações estão sujeitas a muitas influências que nem sempre são boas. As crianças e jovens se espelham naquilo que fazemos, e o projeto Músicos do Contestado resgata este sentimento de civilidade, conduta de disciplina, respeito, organização e da busca séria do conhecimento, sem superficialidade. Essa é a razão de estarmos aqui. Como conselheiro perpétuo e imortal da Academia de Música do Brasil, ter o privilégio de conhecer de perto este projeto, e trazer um reconhecimento da nossa instituição aos Músicos do Contestado me deixa satisfeito, pois sei que estes jovens podem ser o diferencial no nosso país, e que isso possa reverberar por todo Brasil e América Latina. Reconheço aqui um potencial muito grande. Caçador e Santa Catarina por meio do projeto Músicos do Contestado irão transpor fronteiras”, declarou Roberto Farias.

O maestro e idealizador do projeto Músicos do Contestado, Marcos Arcari, disse que a chegada do maestro Roberto Farias é um divisor de águas para os jovens músicos de Caçador.

“Pudemos ver nos ensaios com o maestro Roberto, o quanto eles evoluíram, tendo contato com um maestro de renome internacional. Nas nossas conversas já estamos pensando em abrir diversas portas para estas crianças e o projeto cresce de uma maneira muito exponencial. Hoje o projeto conta com três bandas sinfônicas em Caçador, denominadas Salézio Kindermann, Augusto Francio e Músicos do Contestado que se formou agora com os membros da orquestra de flauta doce. Em Videira temos um pólo,  assim como em Fraibrugo, Lebon Régis e Timbó Grande, todas com planos de montar bandas sinfônicas. Estamos no caminho certo, levando música para a vida desses jovens e das comunidades onde vivem. A visita do maestro Roberto Farias carimba de uma vez por todas a nossa passagem para um futuro promissor”, declarou.

Silmara Ribeiro
Silmara Ribeirohttp://www.jornalinforme.com.br
Editora de notícias do Informe Caçador, empresária e mãe.
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe
ASSUNTOS RELACIONADOS
Publicidade
Publicidade

Leia Também