Hoje é quarta-feira, 19 de junho de 2024
InícioCultura e LazerMaestro de renome internacional ministra aulas aos Músicos do Contestado

Maestro de renome internacional ministra aulas aos Músicos do Contestado

As aulas estão sendo ministradas no auditório da Escola Esperança, no bairro Martello, onde também funciona semanalmente os ensaios do projeto

O Projeto Músicos do Contestado recebe mais uma vez em Caçador o maestro de renome internacional, Roberto Farias, que ministra ao longo de duas semanas um workshop para os professores do projeto e os alunos que compõe as bandas sinfônicas Salézio Kindermann e Augusto Francio, envolvendo cerca de 90 crianças e jovens.

As aulas estão sendo ministradas no auditório da Escola Esperança, no bairro Martello, onde também funciona semanalmente os ensaios do projeto.

O maestro Marcos Arcari declara que a presença do maestro Roberto Farias é sempre um divisor de águas para os jovens músicos, pois os ensinamentos durante o workshop proporcionam um grande salto no quesito aprendizagem e musicalidade para todos.

“Sem dúvida é um momento ímpar para nossos alunos estar em contato como maestro Roberto durante tantos dias. O aprendizado é grandioso e serve para uma vida toda. Já estamos acertando com o maestro para que estas visitas ao projeto sejam realizadas mais vezes ao longo do ano. Para nós professores, também possui uma importância grande, pois aquilo que ele nos apresenta, serve para que possamos dar continuidade em tudo que está sendo realizado agora”, comenta.

Roberto Farias reside em São Bernardo do Campo e é comendador, chanceler e imortal da Academia de Música do Brasil, tendo inclusive uma de suas obras sendo apresentada por esses dias nos Estados Unidos, mas no entanto, declinou do convite da viagem à América do Norte, para poder estar em Caçador, pois para ele o projeto Músicos do Contestado é uma preciosidade.

“O que está sendo feito aqui em Caçador com este projeto é um exemplo para todo o mundo. A estrutura e a base dos Músicos do Contestado, assim como a didática própria, vão além da expectativa e que temos certeza que se tornará a médio prazo uma referência. O projeto hoje imprime uma metodologia própria e ousada, que talvez não tenha sido aplicada em muitas partes do mundo sobretudo nos grandes centros. É uma quebra de paradigmas, pois aquilo que tradicionalmente não se recomendaria aplicar a grupos em formação nesta faixa etária infanto juvenil está sendo feito aqui com êxito. Os Músicos do Contestado terão um conteúdo pedagógico para exportação”, declarou Roberto Farias.

Aniversário

Neste dia 30 de janeiro o maestro Roberto Farias completou seus 70 anos de vida, e em comum acordo com a coordenação do projeto Músicos do Contestado, resolveu ampliar o workshop para duas semanas de trabalho, e assim comemorar a data junto aos jovens caçadorenses.

O projeto

O projeto Músicos do Contestado está atualmente com cerca de 1000 (mil) crianças e jovens inseridas, sendo aproximadamente 750 em Caçador e as demais distribuídas nos pólos de Timbó Grande, Videira, Fraiburgo e Lebon Régis.

Se sustenta via Lei de Incentivo a Cultura, por meio da dedução de impostos das empresas parceiras em Caçador e região, fazendo com que estes recursos permaneçam em Caçador e proporcionem esta mudança de vida para tantos jovens e suas famílias com o mundo da música.

Silmara Ribeiro
Silmara Ribeirohttp://www.jornalinforme.com.br
Editora de notícias do Informe Caçador, empresária e mãe.
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe
ASSUNTOS RELACIONADOS
Publicidade
Publicidade

Leia Também