Hoje é sexta-feira, 24 de maio de 2024
Caçador - O melhor da vida é aqui!
InícioPolítica“Prefeitura assumirá a responsabilidade pelos cães do Instituto Nina”, informa Lidiane
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe

“Prefeitura assumirá a responsabilidade pelos cães do Instituto Nina”, informa Lidiane

A vereadora Lidiane Cattani (PL) usou a tribuna da Câmara Municipal durante sessão ordinária desta semana para informar que a prefeitura de Caçador iniciou, por meio do Programa de Auxílio de Ração, o fornecimento de ração para atender os cerca de 120 cães do Instituto Nina, proporcionando um grande alívio para a instituição

Além disso, considerando a mais significativa conquista do seu mandato até então, ela destacou a resolução do problema do abrigo para os cães do Instituto.

Lembrou que no dia 15 de abril foi assinado um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Ministério Público, envolvendo o Instituto Nina, a própria vereadora e a prefeitura, e como resultado desse acordo, a prefeitura iniciará a construção de um abrigo provisório para os cerca cães do Instituto Nina, em uma parceria público-privada com uma empresa local.

Ela informou também que, após um ano, caso esses animais não sejam doados, será construído um abrigo definitivo no Horto Florestal, onde atualmente está localizado o Centro de Bem-Estar Animal.

Em contrapartida, o Instituto Nina se comprometeu a realizar a vacinação dos referidos cães, incluindo vacinas polivalentes e antirrábicas, além de quarentena antes de serem transferidos para o novo abrigo.

NOTÍCIAS POR WHATSAPP

Se quiser ler em primeira mão as Colunas do Adriano ou receber notícias do Informe Caçador entre no nosso grupo no whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GBwTR7BEFoO7JUO6sx2aIp

Lidiane enfatizou também que, 30 dias após a prefeitura recolher todos os animais, o Instituto Nina terá que cancelar seu CNPJ, conforme o TAC assinado, sob pena de multa mensal de R$ 5 mil. Salientou que como medida preventiva está instalando câmeras de segurança em sua residência, devido ao histórico de abandono de animais em sua propriedade, e que só poderá ter os cães para os quais passar uma lista à prefeitura e assinar o termo de posse, após o qual não poderá mais acolher animais.

A vereadora infirmou ainda que continuará engajada na causa animal como voluntária no Horto Florestal, onde os cães do Instituto Nina serão inteiramente responsabilidade da prefeitura, destacando que essa mudança é uma grande vitória, pois atualmente os cães do abrigo do Instituto Nina enfrentam uma situação difícil devido à falta de estrutura física e financeira para mantê-los

Silmara Ribeiro
Silmara Ribeirohttp://www.jornalinforme.com.br
Editora de notícias do Informe Caçador, empresária e mãe.
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe
ASSUNTOS RELACIONADOS
Publicidade
Publicidade

Leia Também