Hoje é domingo, 14 de abril de 2024
Caçador - O melhor da vida é aqui!
InícioColunaRadialista André Alves assina ficha no PL; políticos mudam de partidos e...
PublicidadeAnuncie no Jornal InformeAnuncie no Jornal Informe

Radialista André Alves assina ficha no PL; políticos mudam de partidos e outras notas

Veja nesta coluna sobre o trabalho de reforço da nominata de pré-candidatos a vereador que o PL está fazendo e também sobre três lendárias lideranças políticas que depois de uma vida inteira em um só partido, resolveram mudar

Radialista André Alves assina ficha no PL

O Partido Liberal do prefeito Alencar Mendes está com o pé no acelerador para formar uma nominata de pré-candidatos a vereador forte para as eleições que se aproximam. Entre nomes como Alex Atollini, o já vereador Fabiano Dobner e outras lideranças, também assinou ficha o comunicador André Alves.

Depois de mais de 15 anos da vida dedicados a locução em rádios em Caçador, André, aos 43 anos, se sente preparado para emprestar seu nome para a política. Argumenta que assinou a ficha no PL e se coloca à disposição, como pré-candidato, mas a decisão final cabe ao partido.

Por algum tempo André esteve atuando em um projeto de turismo em cidades do Litoral e desde o final do ano passado retorna a Caçador, onde cuida da família e se dedica aos amigos. Tem em mente um projeto na área de turismo, com o uso dos antigos trilhos do trem que cortam Caçador e região.

Bancada da imprensa

Caso se confirme sua candidatura, André Alves vai disputar para ingressar numa bancada da imprensa, que sempre teve representantes na Câmara de Caçador com nomes como de Flávio Henrique dos Santos, Telmo Francisco da Silva e na atual legislatura Moacir D’Agostini, Lidiane Cattani e Leandro  Sawchuk.

NOTÍCIAS POR WHATSAPP

Se quiser ler em primeira mão as Colunas do Adriano ou receber notícias do Informe Caçador entre no nosso grupo no whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GBwTR7BEFoO7JUO6sx2aIp

Resolveram mudar

Depois de uma verdadeira vida em seus partidos políticos, cujas identificações são inegáveis, três políticos da região resolveram ter novos ares. O primeiro é o ex-deputado estadual, Reno Caramori, que trocou o PP pelo PSD. Depois de quatro mandatos servindo ao partido, Reno agora se sentiu desprestigiado quando está sem mandato. Não teve dúvidas, mudou de partido.

Reno troca o PP pelo PSD

Ex-prefeitos

Mudanças partidárias significativas também em Calmon. Quem diria que o ex-prefeito João Batista De Geroni poderia militar em outra sigla que não o seu PDT brizolista. Pois então, esse dia chegou. De Ge saiu, ou foi convidado a sair do PDT e agora está no PSD do agora colega Reno Caramori. Em Calmon quem também mudou de partido depois de velho foi o ex-prefeito Alcides Boff. Saiu das fileiras emedebistas onde esteve por uma vida inteira e assinou ficha no PSDB.

De Geroni e Boff em novos partidos

O bonde passou

Quem perdeu a chance de mudar de partido foi o ex-prefeito Saulo Sperotto (PSDB). O governador Jorginho Mello o convidou no ano passado para ir para o PL. Saulo teima em ficar no PSDB, onde é suplente de deputado estadual e sonha em assumir por alguns meses na Assembleia Legislativa a partir do ano que vem. Como Saulo disse não, o prefeito de Videira, Dorival Borga disse sim e ingressou no partido do governador. O movimento o coloca na condição de disputar uma cadeira na Alesc na próxima eleição, dividindo o território que Saulo não soube fechar. O cenário pode ser ainda pior para o prefeito de Caçador, caso queira ser candidato em 2026 a deputado estadual. O seu PSDB pode encolher para apenas uma cadeira na Alesc.

Chamamento

Prefeitura de Caçador lançou recentemente concurso público para várias áreas. Alguém precisa explicar para o prefeito Alencar Mendes (PL), que além de lançar o certame é importante chamar os aprovados. Que o diga quem prestou o concurso para a Guarda Municipal.

NOTÍCIAS POR WHATSAPP

Se quiser ler em primeira mão as Colunas do Adriano ou receber notícias do Informe Caçador entre no nosso grupo no whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GBwTR7BEFoO7JUO6sx2aIp

Inseminação artificial

A vereadora Lidiane Cattani (PP) quer saber o porquê de o serviço de inseminação artificial no município ter sido interrompido pela Secretaria Municipal de Agricultura. O questionamento integra o pedido de informação apresentado nesta semana na Câmara, solicitando ainda a data que este serviço foi paralisado.

Lidiane destaca ainda a necessidade da contratação de mais médicos veterinários para atender tanto a demanda de animais de grande porte como os de pequeno.

O pedido foi reforçado pelos vereadores Alcedir Ferlin e Alurindo de Oliveira.

Vereadora Lidiane Cattani

NOTÍCIAS POR WHATSAPP

Se quiser ler em primeira mão as Colunas do Adriano ou receber notícias do Informe Caçador entre no nosso grupo no whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GBwTR7BEFoO7JUO6sx2aIp

Adriano Ribeiro
Adriano Ribeiro
Colunista do Jornal Informe, traz informações sobre os bastidores da política e cotidiano de Caçador e da Grande Florianópolis, em duas colunas semanais publicadas aqui e no www.informefloripa.com. Contatos: (48) 99800-5836 | (48) 3733-6977. E-mail: redacao@jornalinforme.com.br
PublicidadeAnuncie no Jornal Informe
ASSUNTOS RELACIONADOS
Publicidade
Publicidade

Leia Também