A meta de asfaltar todas as ruas de Caçador e os bastidores da divisão das secretarias

Restam cerca de 45 quilômetros de ruas a se asfaltar em Caçador. O atual governo fez mais de 50 quilômetros de asfalto em pouco mais de 3 anos e agora projeta concluir o asfaltamento de todas as demais ruas da cidade

0
135

Mais de 42 mil atendimentos no Núcleo de Psicologia

O Núcleo de Psicologia da UNIARP realizou em 2020, mais de 42 mil atendimentos nos estágios de Psicologia Clínica, Organizacional e Escolar. Os atendimentos são realizados por acadêmicos do curso de Psicologia, sempre com supervisão de profissionais psicólogos. Neste ano, marcado pela pandemia do novo Coronavírus, o Núcleo realizou atendimentos com todos os cuidados de saúde e segurança.
Os atendimentos no Núcleo de Psicologia são gratuitos desde que preencham alguns pré-requisitos, como por exemplo, comprovar renda familiar de no máximo dois salários mínimos por mês. Todos os casos passam por uma triagem antes do encaminhamento.

Não para!

Quem conhece o prefeito Saulo Sperotto sabe que ele é quase hiperativo: não para nunca. Trabalhou por 3 anos e 11 meses, até vencer as eleições, de forma intensa. Obras, obras e mais obras, estão transformando Caçador.

Só que, depois que venceu, com mais de 61% dos votos, há quem pensasse que ele iria tirar o pé e retomar a intensidade de trabalhos só em 2021.

Ledo engano. No dia 16, às 7h, Saulo já estava passando orientações e cobrando resultados. Cidade limpa, organizada, com serviços funcionando e obras em andamento. Esse é o foco.

Mas, mais do que isso, Saulo conhece como a palma da mão o funcionamento da Prefeitura e isso faz a diferença.

Agora, mesmo com parte da Prefeitura em férias, muitas obras estão sendo finalizadas e, outras, ainda em andamento.

E Caçador se beneficia de ter um gestor como o Saulo. Penso até que vai ser difícil outro prefeito para superar.

Asfalto em toda a cidade

Passadas as eleições, quando a campanha de Saulo e Alencar não disseram explicitamente que poderia fazer asfalto em todas as ruas de estrada de chão de Caçador, agora já se pode dizer que isso deverá acontecer mesmo.

Restam cerca de 45 quilômetros de ruas a se asfaltar. Se Saulo e Alencar fizeram mais de 50 quilômetros de asfalto em pouco mais de 3 anos, fica fácil de completar estas ruas que faltam. Ainda mais com as contas da Prefeitura em dia e com dinheiro em caixa. Fica mais fácil ainda!

Repasse ao Maicé

Os vereadores de Caçador aprovaram, na última sessão do ano, o Projeto de Lei que autoriza o Município a repassar ao Hospital Maicé o valor de R$ 300 mil para a aquisição de medicamentos e outros materiais utilizados no tratamento de pacientes acometidos pela Covi-19. Os valores serão repassados em duas parcelas mensais, sendo uma no valor de R$ 200 mil e outra na ordem de R$ 100 mil.

Sem nomes

E o PSD hein? Bateu o pé para ter a Secretaria de Saúde em Caçador e quando foi atendido pelo prefeito Saulo Sperotto descobriu que não tinha ninguém para indicar. Ou será que até tem nomes, mas sem unanimidade dentro do partido para assumir o cargo?

Rasteira

Já no PDT foi mais cômico ainda a luta por secretarias. Apesar de o partido não ter feito nenhum vereadores, por colaborar com o projeto o prefeito Saulo contemplou a sigla na divisão das pastas com o comando da Secretaria Municipal de Assistência Social. Inicialmente, na reunião entre o prefeito e os presidentes dos partidos, ficou estabelecido que a pasta seria comandada pelo ex-vereador Marcos Creminácio. A sigla ainda ficaria com a direção do Procon no município.

O problema é que na sequência o partido realizou uma reunião da direção para aprovar o ingresso no governo. Creminácio não compareceu e os presentes decidiram indicar Januário Atanasio dos Santos para a Secretaria. Como Creminácio foi preterido, restou-lhe o Procon, para o qual tem formação inclusive. Porém, este não aceita e fez-se o imbróglio. É gente, política não é para amadores.