Conselho Municipal de Cultura entrega moções ao prefeito Saulo

O Conselho Municipal de Cultura de Caçador (CMCC) realizou dia 11 de novembro uma visita ao prefeito de Caçador, Saulo Sperotto.

0
42
Créditos foto: Edison Porto

O Conselho Municipal de Cultura de Caçador (CMCC) realizou dia 11 de novembro uma visita ao prefeito de Caçador, Saulo Sperotto. O objetivo foi apresentar as atividades que estão sendo desenvolvidas pelo Conselho e ainda entregar duas moções de apelo que tendem a fortalecer anda mais o papel consultivo do CMCC.

O presidente do CMCC, maestro Patrick Cavalheiro explica que quando a comunicação dos conselhos com o executivo é próxima, o papel destes como consultivos se fortalece e gera menos demandas do papel fiscalizador. “Desta forma, os conselheiros presentes na reunião buscam com que a aproximação do poder executivo com a sociedade civil, representada no Conselho de Cultura, possam trazer políticas públicas mais democráticas e cidadãs”, destaca.

O prefeito Saulo Sperotto recebeu os conselheiros na presença ainda do secretário de Cultura, Turismo e Esporte, Enermir Corozzola, que também é conselheiro do CMCC, e ainda do vereador Ricardo Barboza.

Saulo declarou que conta com o Conselho de Cultura para trazer as necessidades ao setor. “Para fazer, em conjunto, uma cidade melhor. Espero um futuro melhor para nossa cidade, e que eu, sendo um instrumento para isso neste momento, possa auxiliar de alguma forma a melhorar Caçador”, comentou.

Os conselheiros obtiveram a garantia do prefeito da implementação do Fundo Municipal de Cultura, e ainda o pedido para que o secretário Enemir estude juntamente com o CMCC a disponibilização de rubrica no orçamento da cultura municipal para apoio à entidades e a criação de bolsa artista assim como existe hoje o bolsa atleta.

O secretário Enemir sugeriu que o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Caçador (IPPUC) realize uma reunião apresentando um relatório de ações atuais e futuras ao Conselho de Cultura e outros que se interessarem. O objetivo é abrir mais espaço para que os conselhos possam auxiliar com seus estudos nos processos do IPPUC.